Retalhos de Gilda

Escrever é um vício.

Textos

AOS PAIS
PAI
A mulher abriga em seu ventre, por nove meses, o óvulo fecundado, que se tornará outro ser, perpetuando a espécie. Se não tivesse sido fertilizado este óvulo seria descartado na menstruação subseqüente e seria apenas um dejeto. No entanto, com a concepção se torna um feto. A semente geradora da vida pertence àquele que chamamos de pai (com o pê minúsculo). Hoje eu quero homenagear a estes homens e a todos os outros que, sem fornecerem a sua genética, tiveram filhos.Também àqueles que, embora desejassem ter filhos, por qualquer razão não realizaram seu desejo. Pais são aqueles que frutificam as qualidades infantis, criam conceitos morais e éticos nos pequeninos, regam as suas potencialidades para que, estes serem em formação, se tornem indivíduos íntegros e a imagem daquele homem. A todos os Pais (com pê maiúsculo)  parabéns pelo dia de hoje, 11 de agosto de 2013.
Gilda Porto
Enviado por Gilda Porto em 10/08/2013
Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras